Redução de Estômago – Tipos e Diferenças



  

Há diversos tipos de cirurgia para redução do estômago. Confira quais são, suas indicações e as diferenças entre elas.

Muitas pessoas recorrem a dietas para diminuir alguns quilinhos que estão a mais, com determinação e com a prática de exercício a grande maioria consegue atingir seu propósito. Porém, esse fato não é a realidade de todas, algumas pessoas recorrem a dietas, academia, mas mesmo assim não conseguem atingir resultados satisfatórios.

A solução é, às vezes, recorrer aos centros cirúrgicos, principalmente se a pessoa atingiu o grau de obesidade, pessoas com o IMC acima de 35 Kg/m2 com problemas de saúde grave ou pessoas que estão com IMC acima de 40 kg/m2, são indicadas para as cirurgias de redução de estômago, mas segundo os especialistas essa deve ser a última opção, a obesidade nem sempre tem origem do desequilíbrio alimentar, ela pode ter origem genética ou estar associada a distúrbios ou medicamentos que acelerem o aumento do peso.

Existem mais de uma forma de cirurgia para redução de estômago, acompanhe qual a diferença de cada uma:

– Gastroplastia Endoscópica

Esse procedimento é feito com um aparelho chamado Apollo Oversticth, que é acoplado na ponta do endoscópio. Todo o procedimento é feito por ENDOSCOPIA, pegando toda a parede do estômago, nesse procedimento não é feito nenhum corte na região, é indicado para pessoa que tem o IMC acima de 30 kg/m2 que é considerada obesidade de primeiro grau. Com essa técnica o estômago reduz de tamanho, o Apollo Oversticth contém uma ponta fina que serve para dar pontos por dentro do estômago, sendo assim ele murcha adquirindo o formato de um tubo, a partir disso comporta pequena quantidade de comida. A recuperação é instantânea, normalmente é dada alta no mesmo dia.

– Balão Gástrico

O balão intragástrico, é um balão de silicone colocado no estômago por endoscopia, esse procedimento preenche grande parte da cavidade gástrica por consequência diminui o apetite e o aumento da ansiedade. O balão gástrico é indicado para pessoas com o IMC acima de 35 kg/m2.





O balão gástrico é colocado sobre a orientação da endoscopia, não é necessário anestesia, apenas uma leve sedação, após a colocação é feito o preenchimento no balão com 500 a 800 ml de soro fisiológico. O paciente fica com o balão durante seis meses.

– By-pass Gástrico

É um dos procedimento mais utilizados para a redução de peso, com esse procedimento perde-se em torno de 40% do peso atual. Com essa técnica, através de um aparelho o estômago é grampeado e cortado, dividindo-se em duas partes. O alimento passa pela menor parte do estômago. A outra parte do estômago continua com sinais vitais, porém, deixa de receber alimento, apenas continua produzindo suco gástrico. Esse procedimento é indicado para pessoas que estão com o ICM acima de 40 kg/ m2.

– Gastrectomia Vertical – Sleeve

Com esse procedimento o estômago diminui em 70% do seu tamanho atual, sendo transformado em tubo, através de cirurgia o estômago é transformado em tubo, a parte retirada do estômago é a que produz Grelina, conhecida como o hormônio da fome, contribuindo para o paciente perder peso.

Para qualquer procedimento, por mais simples que seja, é de fundamental importância buscar mais informações com profissionais capacitados e regulamentados pelos órgãos de fiscalização.

Por Gisele Alves de Brito

Redução de peso



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *