OMS recomenda Aumento de Impostos em Refrigerantes e Bebidas Açúcaradas



  

Medida poderia fazer com que as pessoas consumam menos bebidas com açúcar.

A OMS fez um levantamento e constatou que o aumento de impostos de refrigerantes e bebidas a base de açúcar diminuiriam significativamente os números de doenças causadas pelo excesso de açúcar, como diabetes, obesidade e problemas dentários. Com o aumento das taxas, esses números de doenças iam ter uma importante queda.

O estudo que foi publicado no último dia 11, afirmou que um aumento de 20% nos preços desses produtos, seria suficiente para que o consumo caísse. Com a diminuição de consumo dessas bebidas, acarretaria em um menor consumo de açúcar, e assim, melhorando a nutrição e a incidência de doenças como a diabetes, que hoje é uma das doenças que mais matam as pessoas ao redor do mundo.

O grande vilão para o aumento alarmante de diabetes e da obesidade é o açúcar em excesso. As bebidas açucaradas levam uma dose extravagante de açúcar, muito além do recomendado diariamente. O consumo desses produtos é de fato o grande responsável pelo aumento dessas doenças.





A OMS vai além e afirma que se os governantes aumentarem os impostos desses produtos estarão salvando vidas. Pois, além de evitar as doenças, ainda acarretaria em uma diminuição de custos no setor da saúde, assim, sobraria mais renda para o Estado.

A preocupação com a obesidade é grande, números mostram que entre 1980 e 2014, o número de obesos duplicou. Hoje, no mundo, 11% dos homens e 15% das mulheres são obesos. E esse não é um problema enfrentado somente na vida adulta, 45 milhões de crianças com menos de 5 anos foram consideradas acima do peso ou obesas, no último ano. É algo muito preocupante e necessita que os Estados se mobilizem para evitar que essa doença continue a aumentar.

Além da obesidade, a diabetes também é um grande problema. Em 2014 foram contabilizados 422 milhões de pessoas diabéticas no mundo. É uma doença perigosa e uma das maiores responsáveis pela morte de pessoas. É uma doença que surge, geralmente, a partir do consumo excessivo de açúcar. Por isso, diminuir seu consumo é extremamente importante para evitar esse tipo de doença e melhorar a qualidade de vida.

Camilla dos Santos Batista



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *