Flores nutritivas para incluir no cardápio



  

Com a chegada da primavera, nada mais oportuno do que aproveitar os benefícios das fores, inclusive na alimentação. Incluir na dieta tais plantinhas, que são mais conhecidas por sua beleza do que por seus poderes nutritivos, pode ser uma boa pedida para quem busca uma alimentação funcional, saudável e ainda por cima, saborosa.

Existem inúmeras espécies comestíveis e algumas delas foram listadas pela nutricionista do Hospital Paulistano, Mariana Thomaz. De acordo com a profissional, flores como Capuchina, Calêndula e Hibisco são riquíssimas em nutrientes.

O Hibisco faz parte da espécie Sabdariffa e possui um potente antioxidante chamado antocianina. O Hibisco pode ser ingerido em chás, estimulando assim a queima de gordura, facilitando a digestão, regularizando o funcionamento do intestino e combatendo a retenção de líquidos. Além disso, o consumo da flor auxilia na diminuição do colesterol ruim.





A Calêndula, por sua vez, é rica em vitamina A e C, possui carotenoides, flavonoides e fitoesterois. De acordo com a nutricionista, ela é uma flor anti-inflamatória, expectorante, analgésica, calmante, cicatrizante e ainda ajuda regular o ciclo menstrual. Vale acrescentar que as pétalas de Calêndula podem ser usadas em sopas, arroz, omelete e  sobremesas.

Segundo Mariana Thomaz, a Capuchina possui altíssimo teor de vitamina C, agindo assim como flor antibiótica e coadjuvante em processos de emagrecimento. Bastante colorida e refrescante, essa flor cai bem em sucos, saladas e finalização de pratos.

Por Larissa Mendes de Oliveira Soares



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *