Faço Dieta e Não Perco Peso? Quais os Motivos?



  

Confira alguns motivos que podem estar interferindo em sua dieta.

Muitas pessoas que querem perder peso começam a fazer dietas, fazem a ingestão de produtos light ou diet e mesmo assim, não conseguem emagrecer ou então emagrecem e depois engordam novamente.

Especialistas apontam que isso pode ser causado pela forma incorreta e sem o acompanhamento de um médico. O processo todo deve ser feito de maneira lenta e cada caso é diferente do outro. Médicos dão conta de que a obesidade deve ser tratada de forma particular, de acordo com o metabolismo daquela pessoa, como ele reage, para colocar um tratamento em prática. São observados vários fatores como os biológicos, emocionais, bioquímicos, entre outros.





Uma das dicas primordiais é fazer uma dieta com uma alimentação balanceada e que ela seja aliada a uma prática de exercícios físicos. Não é nada fácil perder peso e não é da noite para o dia. A pessoa deverá mudar alguns hábitos para que os benefícios cheguem. Alguns indivíduos ainda não emagrecem por outros fatores, como é o caso de estresse ou até doenças.

Confira algumas dicas que podem lhe ajudar na dieta:

  • Tenha um Acompanhamento de um Especialista: Como cada organismo é diferente do outro, o acompanhamento de um nutricionista é importante no processo. Algumas pessoas podem conseguir perder peso com a redução na ingestão de calorias e gasto das mesmas. Porém, outras pessoas não tem o mesmo sucesso, pois o metabolismo está alterado e necessita de um nutricionista por perto para fazer o acompanhamento individual.
  • Não Exclua Totalmente Alguns Alimentos da Dieta: O nosso organismo necessita de quantidades certas de proteínas, carboidratos e gorduras. A pessoa que retira tudo isso completamente da alimentação pode contar com problemas no futuro. Não pule suas refeições e tenha o hábito de comer várias vezes ao dia em pequenas quantidades. Verduras, legumes e fibras devem estar no seu cardápio.
  • É errado comer carboidrato pela noite? Não. Os especialistas falam que o pensamento de comer arroz, batata e pão a noite é ruim. Os médicos comentam que o metabolismo nessa parte do dia tem menor atividade, mas continua funcionando normalmente. Portanto, coma pouco carboidrato, mas não tire ele do seu cardápio.
  • Verifique se a Sua Saúde está em Dia: Certos tipos de doença fazem com que a pessoa não perca peso ou até fazem com que a pessoa engorde mais. Faça um check-up antes de começar uma dieta. Procure um profissional que possa lhe ajudar nesse assunto. Doenças como lúpus e diabetes do tipo 1 dificultam a perda de peso. Problemas como a disfunção da tireoide também podem atrapalhar o processo. Esteja ciente de sua saúde!
  • Estresse Atrapalha: Os médicos são categóricos ao afirmar que o estresse atrapalha no processo de emagrecimento e até faz com que a pessoa engorde mais. Um hormônio que é liberado quando a pessoa tem estresse crônico (o cortisol) manda uma mensagem para nosso organismo para que acumule comida. A serotonina é um hormônio que deve estar ativo, pois é o que acarreta a nossa sensação de bem estar, controla o apetite e ajuda a perder peso.
  • Não faça Dietas Milagrosas: Quando a mudança em nosso corpo é duradoura, como é a perda de peso, não é um processo rápido. As metas são cumpridas a longo prazo. Nenhuma dieta radical tem sucesso garantido. Os médicos apontam que o nosso metabolismo e organismo necessita de um tempo razoável para que possa entender que a perda do peso deve ser duradoura.
  • Dietas sem Exercícios Físicos não rola: Se você quer perder peso, uma dieta apenas não vai surtir o efeito necessário. A prática de exercícios físicos de modo regular é preciso, pois acelera o nosso organismo. Caso a pessoa apenas faça um esforço na alimentação, sem praticar atividade física, no primeiro momento em que “abusar” tudo voltará como antes.
  • Um erro fazer o Consumo de Alimentos Diet ou Light: Quem pensa que os produtos diet podem ser a melhor solução para emagrecer pode estar enganado. Em um chocolate diet, o qual não contém açúcar, a pessoa encontra um nível maior de gordura, o que acarreta em uma maior quantidade de calorias, comparando com um chocolate comum. Os refrigerantes zero também não devem ser vistos com uma solução, eles contam com grande quantidade de sódio e caso haja o consumo em grande quantidade, pode fazer com que a pessoa retenha líquido, o que atrapalha no emagrecimento.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *