Entenda o que é e qual a finalidade do Hidrogel



  

Qual o preço a se pagar pela beleza? Vale mesmo a pena ter um corpo bonito e sarado de um dia para outro usando métodos duvidosos e que colocam sua própria vida em perigo?

Esse é um questionamento que vem sendo feito pela sociedade nestes últimos dias, principalmente após a divulgação que a modelo, apresentadora e eterna ex-vice miss bumbum, Andressa Urach, teve de ser internada em estado grave na UTI de um hospital da capital gaúcha, devido a uma infecção generalizada na coxa esquerda, causada pela aplicação do hidrogel em suas coxas.

Mas você sabe o que é este hidrogel e vqual a sua finalidade? O hidrogel é uma substância composta de poliamida sintética e solução fisiológica. Ele é usado para preencher e corrigir pequenas deformidades na pele dos pacientes e sua aplicação é mais comum na área do bumbum, coxas e em rugas. Sua função é aumentar o volume da área onde foi realizada sua aplicação.

No caso de Andressa Urach de 27 anos, em cada coxa foram aplicadas 400 ml de hidrogel para que a modelo ganhasse a desejada aparência de pernas malhadas.

A recomendação feita pelo Conselho Federal de Medicina – CFM, é que a substância seja usada apenas em casos realmente necessários e em pequenas quantidades em cada aplicação. Para o CFM a quantidade usada pela modelo é 200 vezes maior que a recomendada.





A ex-vice miss bumbum fez a aplicação de hidrogel nas coxas há 5 anos e decidiu retirar a substância para que suas pernas voltassem a ter uma aparência mais natural, como antes da realização do procedimento. Foi feita uma drenagem para a retirada do hidrogel, mas restos do produto causaram uma infecção generalizada em Andressa que teve de ser internada em estado grave na UTI de um hospital de Porto Alegre.

A aplicação de hidrogel é proibida em locais como clínicas de estética e salões de beleza. Só é permitido este procedimento em centros cirúrgicos ou ainda em locais ondem possa haver um atendimento médico de emergência em caso de alguma complicação durante o processo.

Os pacientes devem ficar atentos ainda quanto ao profissional que realizará a aplicação da substância. Este deve ser habilitado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica ou pela Sociedade Brasileira de Dermatologia para este tipo de procedimento e de preferência que seja um cirurgião plástico ou dermatologista que tenha conhecimento e experiência na aplicação do produto.

Outro detalhe muito importante para quem deseja fazer este tipo de procedimento é tomar cuidado com os preços praticados. Clínicas e profissionais que não estão aptos a realizarem este tipo de procedimento estético, geralmente cobram um valor muito abaixo dos valores cobrados por profissionais habilitados a manusearem este produto. E por procurarem estes profissionais não capacitados por causa do preço, os pacientes acabam tendo complicações muito sérias, como aconteceu também com a dona de casa de Goiânia-GO, que faleceu horas após ter feito uma aplicação de hidrogel no bumbum.

Por André F. C.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *