A Dieta Detox é uma das mais famosas do momento e realmente é uma ótima forma de perder peso, mantendo a saúde em dia, porém, se a dieta não for realiza da forma correta, o resultado pode ser inverso, fazendo até com que a pessoa ganhe peso.

Esta dieta desintoxicante ajuda na limpeza do organismo e isso, consequentemente, resulta em perda de peso. Mas uma dieta muito rigorosa pode ser extremamente prejudicial!

Ficar vários dias à base de líquidos, definitivamente, não é nada saudável! Se você segue a Dieta Detox corretamente, já no terceiro dia o metabolismo de seu corpo está recuperado e você já começa a eliminar peso.

Na verdade, não é a Dieta Detox que desintoxica o organismo. O que de fato, elimina as impurezas de nosso corpo é o fígado e também os rins. Quando você adota uma alimentação saudável, livre de gordura, sódio e açúcar, você está dando condições que seu próprio corpo possa fazer seu processo de desintoxicação, já que não há uma sobrecarga destas toxinas.

Optar por uma dieta balanceada é a melhor forma de realmente livrar os organismos das toxinas, garantir uma boa saúde e conseguir melhorar o resultado na balança. Produtos industrializados, congelados, biscoitos, refrigerantes, enlatados, são alguns dos alimentos que devem ser deixados de lado na Dieta Detox.

Os alimentos que devem ser priorizados são: frutas, legumes, verduras, cereais integrais, carne branca, cereais integrais, entre outros. Também é bom ter no cardápio: peixes assados e sementes como a linhaça e a chia, pois são ricos em ômega 3.

Sucos à base de verduras e frutas, além dos chás, também são ótimos para ajudar no processo de desintoxicação. O chá verde, por exemplo, é ótimo para combater os radicais livres. E jamais acredite na "Dieta Líquida" como sendo uma boa recomendação, pois ela poderá trazer sérios problemas para sua saúde.

O baixíssimo consumo de calorias também é um erro grave! Nosso organismo não aceita esta falta de energia por muito tempo e por isto passará a usar o estoque corporal para gerar energia, ou seja, não são queimadas somente as gorduras, mas também os músculos e isto é um prejuízo enorme para nosso organismo.

Por Russel


A cada dia que passa as pessoas procuram novos métodos de emagrecimento e claro que emagrecer é bom quando isso é feito de forma saudável. E exatamente por esse motivo que vamos falar um pouco sobre uma dieta que está sendo muito utilizada pelos famosos.

A dieta que está em alta no momento é a “Dieta Detox”. Através dela é possível perder cerca de 3 quilos em um período de 15 dias, não é o máximo?

Mas porque é possível perder tanto peso através dessa dieta?

Saiba que a Dieta Detox é um dos métodos que realiza a limpeza do organismo com o objetivo de eliminar as toxinas, sendo essa a receita mais indicada nos últimos tempos pelos nutricionistas e demais profissionais da área.

A Dieta Detox é conhecida também por realizar uma "faxina geral do organismo", pois ao eliminar as toxinas são eliminadas também todas as gordurinhas que são indesejadas. Saiba que essa dieta é muito procurada e utilizada por mulheres e também por homens, que é um público que procura cada vez mais a satisfação em relação a sua estética e aparência.

O objetivo da Dieta Detox é fazer com que as toxinas se tornem hidrossolúveis e dessa forma elas poderão ser eliminadas através da urina, do suor e das lágrimas.

Mas como identificar que o organismo está intoxicado?

De acordo com a Clínica Equilíbrio Nutricional, existem alguns sintomas que pode identificar isso, como por exemplo: o cansaço, muito sono durante o dia, enfraquecimento do sistema imunológico, alergias, inchaço, falta de concentração, má digestão, mau funcionamento intestinal, irregularidades do ciclo menstrual, entre outros.

Existem inúmeras opções de cardápio para fazer a Dieta Detox, confira abaixo duas opções:

Cardápio 1:

Café da manhã:

  • Meio mamão.
  • 1 copo de leite desnatado de 200 ml.
  • 1 colher de semente de linhaça triturada.

Almoço:

  • Salada com rúcula, nabo ralado e cenoura cozida.
  • 1 copo de suco natural de 200 ml.

Jantar:

  • Sopa de peito de frango sem pele.

Cardápio 2:

Café da manhã:

  • Chá sem açúcar.
  • 1 fatia de pão de forma sem glúten.

Almoço:

  • Salada de acelga e meio pepino.

Jantar:

  • Salada de repolho branco ralado, mais 2 fatias de tomate.

Por Josiane Fernandes de Jesus





CONTINUE NAVEGANDO: