Comer Couve pode deixar Cérebro mais Jovem



  

Estudo foi realizado pela Universidade de Rush e constatou que o consumo pode estimular o rejuvenescimento do cérebro.

Você inclui couve na sua alimentação? A verdura conta com vitamina K e antocianinas, que estimulam a concentração, previnem danos nos nervos cerebrais, além de melhorar a defesa contra a demência e a doença de Alzheimer. Além disso, a couve ajuda a secar a pele oleosa e com acne, pois combate substâncias tóxicas como, por exemplo, radicais livres e ácido úrico.

A verdura também não pode faltar na sua dieta, porque as folhas têm pouca gordura e muitas fibras, ou seja, é um excelente carboidrato que deve fazer parte da sua rotina. Além de todos estes benefícios, ingerir couve com regularidade deixar o cérebro 11 anos mais jovem. Sabia?

O estudo foi realizado na Universidade de Rush, Estados Unidos. De acordo com a pesquisa, uma porção diária da verdura com folhas escuras pode estimular o rejuvenescimento do cérebro. A análise foi realizada com 950 pessoas idosas, entre, dois e dez anos.

Além disso, a pesquisa indicou que os participantes que ingeriam folhas escuras diariamente apresentaram um declínio mental, em média, de 11 anos, ao ser comparado com outras pessoas que não se alimentaram das folhas. O estudo mostrou que os resultados ocorriam independentemente de outros fatores relacionados como as condições de saúde dos participantes, o nível de escolaridade e a prática de atividade física.

Desta forma, a ingestão de couve diariamente pode deixar o cérebro 11 anos mais jovem, segundo o estudo da Universidade dos Estados Unidos. Entre outros benefícios para o organismo, a verdura ajuda a prevenir pressão alta, devido ao potássio que auxilia na abertura dos vasos sanguíneos.





A couve também pode aliviar a sua dor de cabeça, sabia? É só preparar uma compressa quente esmagando as folhas, depois envolvendo em um pano ou outro tipo de compartimento e aplicando sob a testa para melhorar.

Uma curiosidade é que a couve-roxa tem propriedades anti-inflamatórias, sendo considerada uma boa reguladora de açúcar do sangue, devido à presença dos pigmentos vermelhos que estimulam o aumento de insulina e diminuem os níveis de açúcar do sangue.

Você sabia que a verdura é considerada o alimento nacional da Rússia? Lá eles consomem, aproximadamente, 7 vezes mais couve que a média dos norte-americanos. Depois destas dicas, não deixe de incluir a verdura na sua alimentação diária.

Por Babi



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *