Beber Água pode Ajudar a Emagrecer



  

Pesquisa realizada nos Estados Unidos revela que o aumento no consumo de água no dia a dia pode ajudar na perda de peso.

Um novo estudo firmado pela famosa Universidade de Illinois, nos Estados Unidos da América, mostra que o aumento do consumo de água por dia pode resultar em perda ou retenção de peso.

Os pesquisadores descobriram que as pessoas que tomam mais água no seu dia a dia (de uma a três xícaras) tendem a reter menos calorias, ou seja, possuem menos gorduras no corpo.

O estudo foi feito com mais de dezoito mil pessoas de várias partes do mundo e mostrou que inevitavelmente a alteração foi entre 68-205 calorias a menos por dia para as pessoas que consomem mais água. Os níveis de gordura saturada, sal, açúcar e álcool consumidos adicionalmente, também caíram. O que automaticamente traz mais qualidade de vida e saúde para as pessoas.

Ruopeng An, professor e um estudioso no assunto de saúde comunitária da Universidade dos Estados Unidos, escreveu em seu texto que "o impacto do consumo de água pura dentro da alteração na dieta foi semelhante em vários grupos étnicos, de diferentes níveis acadêmicos, ganho financeiro, família e peso do corpo". Além disso, não havia nenhuma distinção dentro dos resultados entre aqueles que beberam água filtrada da pia ou água potável engarrafada. A água em qualquer parte do mundo não fez diferença no estudo divulgado pela Universidade.





Em resultados da pesquisa foram coletados entre 2005 e 2012. Ou seja, este estudo possui bastante precisão e confiabilidade pelo tempo em que foi feito. É impressionante como um aumento até mesmo de apenas 1% do consumo de água já é suficiente para mostrar uma alteração no corpo humano e da concentração de menos gordura e outros integrantes que consumimos diariamente, mas que fazem mal à saúde, como sal e açúcar.

Peritos envolvidos no estudo, juntamente com o professor Ruopeng An, acreditam que a pesquisa pode facilitar a vitória sobre os indivíduos para trocar bebidas que fazem mal a saúde, como refrigerantes, sucos em pó ou de lata, pela tradicional água como o adicional e principal líquido para a qualidade de vida de quem consome mais e mais.

Por Carolina Costa



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *